Skip navigation

Reencontrar-se com seu pior lado. Sucumbir a fraquezas que pensara terem sido superadas. Aqui está você, tão frágil e suja como antes. Fraca.
Submeter o seu eu imundo aos seus próprios julgamentos fê-la sentir-se pior. E cada dia mais…
Não quis verbalizar. Silenciar a vergonha não a faz menor, mas a torna sua, de estimação. E o que não era pecado acaba sendo, visto que a autossuficiência quer dominar sobre tudo.

Mas tudo isso vem daquela que está diante do espelho. Às vezes o reflexo me diz que sou grande, e o ego sorri um pouco disto. Outras, revela uma pequenez cortante.
O cuidado dEle diz quem sou de verdade: sou dEle… É ai que eu entendo mais verdadeiramente o que é a tal da Graça. Não depende de mim. Nunca dependeu. Já fui perdoada. Sou amada. E Seu amor é mais forte do que aquilo que penso que sou.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: